Cidadania Italiana via Judicial

Descobrimos o passado da sua família para te ajudar a construir o seu futuro
Peça já um orçamento

Não existe limite de geração para solicitar a cidadania italiana.

O Italiano pode ser seu pai/mãe, avô/avó, bisavô/bisavó, tataravô/tataravó … e você pode fazer todo o processo sem ter que sair do brasil

Com escritório no Brasil e na Itália, o time da io.gringo está pronto para esclarecer quaisquer dúvidas que você tenha do processo de cidadania italiana. Atendemos desde clientes que não tenham nenhum documento ou que desconheçam totalmente o processo de cidadania, até clientes que ja organizaram todos os documentos e buscam alguém para agilizar a burocracia. O passaporte é seu, mas o trabalho é nosso.

Receba já um Orçamento

    Busca geneológica

    A partir de apenas 1 certidão de nascimento sua ou de qualquer outro membro da sua família, conseguimos montar toda a sua árvore genealógica até os seus tataravôs. Fazemos isso em até 2 meses e, caso você ainda não saiba se tem um parente italiano, mas suspeita que sim, pode deixar que encontraremos a resposta.

    Via Paterna

    Para descendentes de italianos do sexo masculino a lei italiana determina que 730 dias/ 2 anos é o prazo máximo para o consulado analisar seu pedido de direito à cidadania italiana. No entanto, atualmente no Brasil as filas chegam a 15 anos. Isso, segundo a jurisprudência italiana, constitui lesão de um direito pessoal que permite ao descendente recorrer à Autoridade Judiciária Italiana para a conquista de sua cidadania.

    Via Materna

    Devido à lei italiana n. 555 de 13 de junho 1912, a mulher italiana que se casava com um homem não italiano perdia a cidadania italiana e assumia a cidadania do marido. Assim, ela não passava a cidadania para seus filhos. Em 2009, no entanto, uma primeira decisão da justiça da Itália determinou que a lei de 1912 tinha limitações e passou agora a reconhecer a cidadania italiana daqueles cuja linhagem é provinda de uma mulher de descendência italiana que teve filho antes de 1948.

    Matrimônio

    Conjugês de cidadãos italianos residentes fora da itália podem solicitar a cidadania italiana. Para isso precisam apenas cumprir dois critérios: seja casado por no mínimo 3 anos. Esse prazo é reduzido para 1 ano e 6 meses caso o casal tenha filhos; ou o conjugê requerente comprove falar italiano nível B1 (básico-intermediário).