Confira como contratar um advogado especializado em cidadania italiana. Orientação passo a passo e suporte jurídico garantido.
Ao embarcar na jornada da cidadania italiana, muitas pessoas encontram-se no desejo ou necessidade de seguir a via judicial de obtenção. Perante a essa questão, a contratação de um advogado para cidadania italiana especializado torna-se uma opção recomendável e, muitas vezes, essencial.
Guia essencial de termos para cidadania italiana: do Estratto di Nascita à Agenzia delle Entrate. Domine o glossário e simplifique o procedimento burocrático!
Guia essencial de termos para cidadania italiana: do Estratto di Nascita à Agenzia delle Entrate. Domine o glossário e simplifique o procedimento burocrático!
Descubra como escolher a melhor empresa para tirar a cidadania italiana com nosso guia prático e confiável. Informe-se agora!
Para aqueles que buscam obter a cidadania italiana, o processo tende a ser complexo e detalhado, envolvendo muitas etapas que precisam ser executadas com precisão para evitar futuros atrasos e complicações. 
Descubra as características distintas de quem tem descendência italiana: arte, música e um forte senso de identidade cultural. Leia mais aqui!
As características de uma pessoa com descendência italiana são enraizadas na rica cultura da Itália, um país conhecido por seu forte senso de identidade. 
A atriz, Any Gabrielly, iniciou seu processo de cidadania italiana com a io.gringo juntamente com mãe e sua meia-irmã. Veja mais neste conteúdo!
A atriz e cantora, Any Gabrielly, deu início ao seu processo de reconhecimento da cidadania italiana através da nossa empresa, io.gringo, aos 21 anos de idade.
bandeira do consulado italiano
Encontrar um Consulado Italiano e compreender seu funcionamento é essencial para aqueles que buscam reconhecer sua cidadania italiana, visto que, os consulados desempenham funções como: a emissão do seu passaporte italiano e os procedimentos relacionados à cidadania. 
proposta de lei da cidadania italiana
Sumário

O projeto de lei DDL nº 752, proposto pelo Senador Italiano Roberto Menia, visa limitar o acesso à cidadania italiana por parte dos descendentes. Sua proposta sugere que apenas aqueles que falem italiano no nível B1 e tenham parentesco até a terceira geração podem ser reconhecidos como cidadãos italianos.

Diante disso, muitos ficam com dúvida sobre o que pode acontecer com o processo de cidadania italiana. Continue a leitura para entender melhor esse assunto. 

Cidadania jus sanguinis

Uma das formas mais comuns de adquirir a cidadania italiana é pelo jus sanguinis (direito de sangue). Ela é transmitida de pais italianos para seus descendentes, independente do local em que nasceu. Portanto, para a Itália, aquele que veio ao mundo em uma maternidade italiana tem direito à nacionalidade. 

É inexistente na legislação do país, uma cláusula que indique a cidadania italiana como limitada em termos de gerações. Porém, é necessário comprovar a descendência através de certidões, documentos de casamento e óbito, para assim, garantir o reconhecimento como cidadão italiano. 

Visto isso, antes de analisarmos o projeto de lei proposto, devemos entender como a legislação funciona. Dessa maneira, fica mais fácil a compreensão deste assunto. 

Entenda o que a lei propõe 

O Disegno di Legge (DDL) nº 752 é o projeto de lei que pretende alterar os requisitos para adquirir a dupla nacionalidade por direito de sangue. A proposta submetida por Roberto Menia foi apresentada ao Senado italiano em 7 de junho de 2023, e começou a ser analisada em 30 de janeiro deste ano.  

De acordo com o projeto DDL, é necessário reconhecer o direito da cidadania italiana para descendentes diretos até o terceiro grau, incluindo a exigência de conhecimento da língua italiana em nível intermediário.  

E para os descendentes do quarto grau em diante, além do domínio do idioma, é preciso residir na Itália, por pelo menos, um ano.  

Devo me preocupar?

Um fato é: não é possível saber ao certo se essa proposta será aprovada. O Parlamento italiano tende a receber diversas propostas semelhantes que, ao final da análise, não são levadas em consideração. Além do mais, o projeto de lei possui apenas pequenas chances de ser aprovado.  

Entretanto, caso seja aceito, os processos iniciados antes da nova medida, seriam seguidos pela legislação atual, sem interrupção.   

Tenho chances de perder a cidadania italiana?

A resposta é não! Você não será afetado porque seu direito foi assegurado pela lei em vigor no momento em que você protocolou o processo. 

Apenas nos processos iniciados após a execução da lei, será necessário seguir os critérios propostos. Entretanto, não há pelo que se preocupar, a ação demanda tempo e não existe nada certo até o momento. 

Comece sua jornada para a Cidadania Italiana​

Aproveite a assistência especializada para garantir seu passaporte para um futuro sem fronteiras.